Desejos de um Marido

Ola me chamo Ricardo e ela se chama Patrícia, somos casados a 12 anos estamos na casa dos 30 anos um casal de boa aparência ela uma morena alta com uma bunda muito gostosa, adoro chupar e comer aquela bunda, mas meu maior desejo era ver ela sendo devorada por outro homem, ela sabia disso pois não escondo Nada dela ela sabe de todos meus desejos e taras só que ela me falava que não teria coragem por que afinal fui único homem em sua vida, mas sempre deixei ela a vontade para desistir eu sempre tocava no assunto, aí um dia ela me falou que se um dia tiver que acontecer vai acontecer, aquilo me deixo com alguma esperança, nos sempre saímos nos finais de semana para beber e dar umas volta também vamos em baladas e casas de swing, mas só como simpatizantes, em um sábado a noite resolvemos sai dar

umas voltas e beber algo, ela tomou um banho e foi para o quarto se vestir colocou um vestido preto bem curtinho e um salto alto nossa fiquei de pau duro só de ver a Paty vestida daquele jeito, ela disse que ia sem calcinha e sem sutiã que aquela noite prometia senti ela bem mais safada do que outras vezes que saímos, saimos passamos em uma conveniência compramos uma bebida e começamos a rodar na cidade, quanto mais ela bebia mais safada ela ficava começou passar a mão no meu pau e falar que queria ser abusada muito por mim naquela noite, para mim fazer o que eu quisesse com ela a noite toda por que ela ia ser Minha puta safada, nossa eu já estava explodindo de tesão, aí falei pra ela será que eu daria conta daquele tesão todo que ela estava sentindo ela me olhou e me deu um sorriso com cara de safada e me disse não sei por que hoje quero ser fodida em todos os buracos e de todo jeito, aí vi que na naquela noite ela toparia qualquer coisa e já venho na minha cabeça o meu desejo de outro cara junto com nos, comecei a ficar atendo pra ver se encontrava alguém de boa forma e oferecer uma carona, foi quando de longe avistei alguém saindo de um prédio, diminui a velocidade do carro e passei bem do lado era um rapaz negro forte alto de boa aparência vestia calção e regata, parei o carro logo em frente e falei pra Paty posso dar carona pra esse rapaz que tá vindo aí atrás, ela disse pra aquele negão que passamos aí percebi que ela também tinha prestado a atenção, falei que Sim ele mesmo, ela sorriu e disse NOSSA o que Será q ela imaginou? Aí disse você que sabe amor, quando ele se aproximou do carro chamei ele na janela, quando ele olhou e viu a Paty com as pernas de fora quase mostrando a buceta veio e se abaixou na janela, aí perguntei a ele se não sabia de algum lugar pra beber e comer alguma coisa, ele me falou sei sim estou indo pra lá agora se quiser posso ir junto com vocês pra mostrar o local, era tudo o que eu queria ouvir, falei claro entra aí, mas logo que ele entrou ele viu que agente já estava bebendo então percebeu o que agente realmente queria, aí se apresentou falou que se chamava Júlio e que fazia pouco tempo que estava na cidade, me apresentei a ele e falei essa é minha esposa Patrícia ela disse prazer e sorriu, ele muito prazer Patrícia você é muito linda já estou com inveja do seu marido, ela toda envergonhada sorriu de novo e agradeceu, vi que ela estava tensa com um pouco de medo afinal ela Nunca avia tido outro homem na vida dele era a primeira vez, mas começamos a conversar eu e o Júlio e ela foi pendendo o medo ele começou a puxar assunto com ela assim ela foi ficando mais a vontade, tipo ela estava com medo mas a curiosidade dela de ver o pau do negão e saber como é sentar em outra pica era maior, aí ele me perguntou qual era os planos nosso por pra ir em um bar não era, a me olhou e sorriu e me disse fala pra ele amor, aí falei pra ele que eu tinha o desejo de ver ela com outro cara que queria ver ela gozar muito e sentir muito prazer, aí ele me falou então vocês acharam o cara certo pra isso por que vou fazer sua esposa ir as nuvens por tô cheio de tesão e já faz uns 10 dias que não tenho relação com ninguém, nossa a Paty suspirou bem forte nessa hora, aí falei pra ele ir bem com calma pois era a primeira vez dela, ele falou que não era pra se preocupar pois já tinha experiência com casais, Aquilo me deixou mais a vontade, mas a Paty estava numa tensão só, aí de repente ele começou a acariciar o braço dela senti ela se arrepiar toda, aí ele perguntou se podia ver os peitos dela ela fechou os olhos e disse que Sim, aí achei um lugar escuro e estacionei o carro, ele tirou os peito dela para fora e começou a massagear os dois pelo fato de ele está no banco traseiro colocou as duas mãos por traz do banco e começou a acariciar o corpo dela, Paty já avia gozado só com aquilo, aí ele perguntou a se ela queria conhecer o pau do negão ela disse que Sim então ele começou a tirar a roupa ficou de cueca ele com aquele corpo todo malhado, ela ficou de joelho no banco virada pra traz e começou a passar a mão no peito e nos braço dele, nossa passei a mão na buceta dela estava pingando, aí ela começou a descer a mão e passar no pau dele por cima da cueca nossa o pau dele tava mole e já era maior que o meu duro, quando ela sentiu o pau ela me disse olha amor o tamanho desse pau sempre tive curiosidade de pegar e experimentar um assim, eu já estava quase gozando,falei pra ela hoje você vai matar essa curiosidade, de repente ela tirou pra fora da cueca aquela mangueira preta grossa cheio de veias, parecia que ela não acreditava que estava fazendo aquilo, logo aquela mangueira ficou dura e ela gospia na mão e passava no pau dele o saco dele era enorme, afinal o cara tinha tudo o que uma mulher sonha na hora do prazer, ela me pediu uma camisinha e colocou naquele pau que quase não entrou a camisinha ficou estourando e ela caiu de boca naquela mangueira preta e grossa a boca dela chegava na metade do pau dele, mas ela estava adorando babava todo o pau dele ai começou a escorrer para o saco dele, ela passou para o banco de trás mandou ele erguer as penas no banco ela ficou com aquela mangueira preta e dura só pra ela começou a mamar de novo aí desceu e começou a passar a língua no saco dele ela não conseguia por as duas bolas na boca de tão grande que era, de repente ela tirou a camisinha e começou a chupar aquele pau preto, era a primeira vez que ela Estava sentindo o gosto de outro cassete na boca , eu estava adorando aquela cena, aí ele abriu a porta e desceu do carro e mandou ela fica de quatro no banco aí veio por traz e começou a chupar o buceta dela ele tinha os lábios bem carnudos e uma língua enorme parecia que ele ia engolir a buceta dela, Paty gemia muito alto e gozava a cada dois minutos, aí eu desci do carro e fui do outro lado e comecei a chupar os peitos dela nossa ali ela chegou no auge do prazer, logo Júlio me pede uma camisinha por que ele queria penetrar naquela buceta gostosa peguei a camisinha fui ao mesmo lado que ele estava por que queria ver aquela mangueira entrar nela, e colocou a camisinha e começou a pincelar a buceta dela passar o pau na buceta dela. Paty se arrepiou todinha com aquilo de repente ele começou a penetrar colocava a cabeça e tirava e foi colocando aos pouco pra ela acostumar ela gemia muito quando vi já estava a metade do pau dele dentro daquela buceta e foi tirando e colocando até entrar tudinho aí começou aquele vai e vem bem gostoso,aquelas bolas enorme começou a bater na bunda dela, Paty estava nas nuvens essa hora fui do outro lado de novo e comecei a chupar os peitos dela outra vez, aí ela começou a me beijar parecia que ia arrancar meus lábios enquanto era fodida por trás por aquele negão, aí ela pegou meu pau e começou a chupar nossa ela sugava muito engolia ele todo, logo Júlio pediu para mudar de posição ele deitou no banco e ela veio por cima e sentou naquela mangueira preta e foi engolindo tudo e começou a cavalgar gostoso, aí Júlio começou a mamar nos peitos dela com aquela língua enorme chupava os pico do peito dela, fui atrás deles e vi aquele pau preto e enorme entrando e saindo da Paty nossa que cena maravilhosa ver aquela bunda gostosa subindo e descendo num pauzão, ela cavalgou muito e gozou muito como Nunca fez antes, de repente Júlio anunciou que iria gozar, ela saiu de cima dele e tirou a camisinha e começou a bater uma punheta até Júlio gozar, nossa não parava mais de sair leite daquela mangueira ela pegou uma toalha que tínhamos no carro limpou a mão que ficou toda gozada e deu pra Júlio se limpar, ele desceu do carro vestiu sua roupa e de repente pediu se podia chupar ela de novo, Paty aceitou na hora Júlio abriu as pernas dela e ele caiu de boca naquela buceta, fudeu ela com a língua até ela gozar de novo vi o leite dela escorrendo na língua dele, aí ela sentou no banco do carro pediu pra nós dois tirar o pau pra fora que ela queria mamar, nossa tiramos e Paty começou a chupar nos dois o meu já estava explodindo o do Júlio começou a fica duro novamente, o meu Paty engolia inteiro do Júlio só a metade, logo começamos a gozar ela pediu pra gozar nos peitos dela e foi o que fizemos ficou com os peitos toda melada, aí se arrumamos e saímos pra deixar Júlio no endereço dele, no caminho ela disse que aquela foi a melhor noite da sua vida e que soubesse que era tão bom tinha feito antes , quando agente estava chegando no endereço do Júlio ela pediu pra pegar no pauzão dele de volta pois não queria esquecer aquela mangueira que levou ela ao céu, Júlio tirou pra fora de novo e Paty agarrou com as duas mãos, nossa ela tava insaciável, logo chegamos e Júlio desceu e fomos para casa, ela me falou que logo queria experimentar mais rolas Grande, falei que era só me falar o dia que ela queria que agente fazia novamente, chegamos em casa tomamos banho e fomos para o quarto e ela me chupou de novo, e disse que queria me dar o cuzinho, fudi aquele cu com vontade até gozar, com certeza foi umas das melhores noites da nossas vida… Nossa a partir daquela noite Paty virou uma mulher sensacional quer sexo todo dia parece que ela despertou a mulher safada que tinha dentro Dela, eu amo ela e sempre vou fazer tudo pra ver ela assim Feliz e de bem com a vida, e experimentado os prazer que o mundo nos oferece né…. esperam que tenham gostado, por que eu adorei… vlw at+

3 thoughts on “Desejos de um Marido

  1. Procuro mulher sozinha fogosa ou esposa cujo marido sinta vontade de me ver transando com sua esposa.Não aceito baixarias nem envolvimento financeiro.Tenho local, sou saudável e sigiloso. são paulo capital campinas, interior de sp e viajantes
    [email protected]
    NInguém precisa saber o que faremos na intimidade.
    Venha ser feliz gozando comigo e seu marido vendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *