Metendo na bunda minha filha

Fala turma , Sou o Marcelo tenho 49 anos , tenho 175 m e tenho um corpo comum, minha filha chama-se Luana, morena magra e possui 22 anos . Eu sou afastado da mãe dela e em seguida que me divorciei não quis me adaptar a mulher nenhuma , moro sem companhia faço minhas festinhas nos finais de semana , nos dias de hoje moro no ABC paulista , sai do interior juntamente com a assinatura no qual trabalho , minha filha Luana terminou a aptidão e pediu para achar-se comigo uma vez que aqui o mercado de trabalho possui mais apelo , ela é da setor de RH , e eu trabalho como contabilista de uma metalúrgica .  No início desse ano fui busca-la no interior havia alguns anos que não via minha atraente filha ; uma vez que minha afastamento foi um pouco conturbada e a Luana sofreu bastante ela era bastante apegada a mim ,achei a ideia de ela achar-se comigo um tanto delicado perderia um tanto da minha intimidade não teria como resultar mulheres distintos pra casa semanalmente e nem sequer ficar na orgia com duas ao inclusive tempo , porém filha é filha e vale o abandono !  Cheguei na casa de sua mãe e ela já aparecia me esperando na acesso fiz de tudo para não entrar porém ela me convenceu , veio e me deu um abraçamento bem bom foi então que senti o calor do seu corpo juntamente ao meu e o seu cheiro , na momento eu tive pensamentos um pouco picantes ( ela aparecia usando um assim que caia preto , com um shortinho acusando suas lindas coxas , e bosquejado uma atraente buceta entre suas pernas ) conversamos um tanto eu levei suas malas para o automóvel ela despediu-se de sua mãe e fomos ainda que .  No meio do caminho senti ela um tanto triste perguntei se não tinha se despedido do aficcionado , ela ai agente eu não aparecia namorando em seguida do Ensejo não quero entender de homem tão cedo ! eu tudo bem é melhor que foque no seu trabalho inclusive consegui pra você trabalho lá na metalúrgica , ela nossa agente que bom veio e me deu um adorável na momento eu virei o anverso sem desejar e acabou pegando de abarrotado na boca , ela ficou um tanto sem agradecimento porém eu falei acertou em abarrotado ein , ela riu e captou na brincadeira e continuamos a conversa eu expliquei como era a assinatura , e falei que aquele acervo de homens iam ficar doidos no momento em que a vissem e que não era pra ela permitir macio pra ninguém , acho que ela captou !  Chegamos em casa , ela tirou a ceia comemos , ela tomou banho , eu assentado no sofá meu telefone celular abrigo era a Meire uma das minhas nifetinhas querendo pica , eu falei que não dava uma vez que era o 1º dia que minha filha aparecia em casa e não queria deixa-la sozinha .  Alguns minutos em seguida a Luana me apresenta-se de Baby Doll na dependência na momento meu pau ficou difícil tentei acobertar porém ela percebeu sentou ao meu lado e começamos a assistir um filme ela deitou no meu bocal e adormeceu , aparecia cansada da viajem ; eu olhava pra pernas dela e me deu um atração que eu de modo algum havia acepção antes comecei a abrandar suas pernas de rápido e mudar a mão em sua buceta ela suspirava acho que ela aparecia a um tempo sem coito uma vez que meu aptidão ficou encharcado , ela acordou me olhou sorriu e foi a favor quarto , eu fiquei louco coloquei um filme porno e bati uma punheta na sua admiração .  no outro dia bem cedo preparei um café e a chamei para ir conhecer o seu amanhã local de trabalho , ela saiu do quarto apenas de calcinha com a toalha na mão entrou no banheiro e me deixou babando , ela saiu e foi se substituir eu entrei no banheiro para ingerir o meu banho e vi sua calcinha vermelha toda gozada certamente bateu uma siririca pela manhã eu cheirei aquela minuscula canhão e bati mais uma punheta pra ela , porém pra minha abalo ela entrou de vez no banheiro e me pegou no flagra eu fiquei bem de raiz ela similarmente a única coisa que eu ouvi foi , Nossa agente que pauzão bem que minha mãe me falou não aguentava todo dia (20 cm )você desejando sua filhinha , nossa fiquei molhadinha coloca eu analisar , eu levantei sem comportamento também ela estendeu a mão e pegou forte , nossa que saudades de uma rola ,eu falei não sabia que você era tão safada , ela você também não viu nada , abaixou e começou uma das chupetas mais prazerosas que já tive em minha vida mamava como putinha eu não me segurei e a arrastei para o quarto , joguei ela na cama e começamos a nos chupar ,até que ela gozou em minha boca , ela continuou chupando me olhou e sentou no meu pau , começou a cavalgar como uma louca e eu acabei gozando juntamente com ela , nossa que percepção .  Fomos a favor banheiro tomar uma ducha e saímos para o trabalho ,ficamos a manhã inteira lá trocando olhares deliciosos ,a tarde sai para leva-la em casa, entramos em casa e ela já foi me beijando fomos para o quarto ela desceu minha calça e caiu de boca , eu tirei seu vestidinho e comecei a chupar aquela delicia de buceta , ela parou , ficou de quatro na cama e pediu para agente bota no meu cusinho , nossa no momento em que eu aproximadamente gozei ao escutar isto fiquei massageando a portinha do seu cu e mandei de vez , ela urrou comecei a armazenar varias vezes por uns 15 minutos e acabei gozando ela virou começou a chupar meu pau em seguida me beijou , e falou que o seu maior sonho tinha se executado analisar a pica do pai em sua bundinha e que agora em perante ela seria minha mulher , eu fui nas nuvens  Em seguida desse dia de modo algum mais fiquei com outra puta , apenas tenho olhos para minha filha Luana.

2 thoughts on “Metendo na bunda minha filha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *