Visita surpresa e excitante

Olá, Esse é meu primeiro conto , é um conto real que só depôs de um tempo tive coragem de relatar, me chamo Fábio (fictício), tenho 35 anos, 1,65 altura, malho periodicamente, corpo normal, minha esposa chama- se Irna (fictício), 35 anos assim como eu, 1,55 altura, olhos maravilhosamente verdes que combina perfeitamente com a sua pele morena e bronzeada, pesa aproximadamente 58 kg muito bem distribuídos devido as longas horas de academia, bumbum empinado (que deixa os homens babando na academia), seios médios , pontudos, empinados e deliciosamente com marquinha de Bronzeamento, depois das devidas apresentações, vamos ao quê interessa, essa minha experiência é um pouco

controvérsia, misto de ciúmes e tesão, aconteceu a 15 dias a trás, tudo começou quando esqueci minhas chaves em casa, ao chegar no trabalho percebi que não havia trazido, como precisava visitar um cliente, peguei a moto da empresa juntamente com um colega de trabalho e voltei em casa, pra não perder tempo de lá visitariamos o cliente, nosso portão é elétrico então temos 2 controles, um fica com a minha esposa e o outro comigo, sendo assim ao chegar em casa não precisaria chamar, abro o portão e entro juntamente com esse meu colega, minha esposa por não está nos esperando sai do quarto só de camisola(preciso descrever essa camisola, converso a vcs quê é um tesão, transparente, bem curta, o que deixa a amostra parte do bumbum, na parte de cima um decote bastante generoso o que permite depois de alguns descuido o aparecimento dos biquinhos dos peitos), voltando ao conto, ficamos os três surpresos , minha esposa não me esperava e muito menos com visita, já estava sem jeito então ficamos os três na sala, enquanto isso vou ao quarto procurar as minhas chaves, voltando a sala me deparo com aquela cena que me deixou com o cacete latejando de duro, minha esposa está de quatro (talvez de propósito) procurando algo na estante e vcs podem imaginar a cena, meu amigo babando naquela bunda deliciosa, brozeada e com um fio dental socado inteiro no rabo, não tive coragem de reprimila, meu amigo ficou envergonhado e logo mudou o foco, chamo minha esposa e ela ainda abaixada se vira pra ver o quê eu queria, quando percebo que parte dos seios esta a amostra, quase morri do coração, meu amigo o contrário quase morre de tesão, ficamos um olhando pra cara do outro sem ação, se meu amigo tivesse investido minimamente na azaracao não sei onde isso ia parar, na verdade sei sim, tínhamos passado a manhã toda brincando, seria uma manhã de muito sexo e sacanagem, quem sabe não esqueço novamente minhas chaves, dessa vez de propósito e com outro final. Rsrs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *